inescburg@yahoo.com.br

segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Dia do Cerrado: pesquisas buscam conservação do bioma

Sustentabilidade

Rede financiada pela CNPq trabalha no mapeamento e acesso público a importantes dados sobre o sistema
por Portal BrasilPublicado11/09/2015 14h13Última modificação11/09/2015 14h13
Divulgação/CNPqPrograma está estruturado em duas linhas: uma envolve acesso às informações de espécimes da flora brasileira e a outra, digitalização das plantas no exterior
Programa está estruturado em duas linhas: uma envolve acesso às informações de espécimes da flora brasileira e a outra, digitalização das plantas no exterior
Segundo maior bioma do Brasil, o Cerrado é conhecido como uma das biodiversidades mais ricas do mundo. Para enfrentar o desafio de ampliar o conhecimento deste bioma, foi criado o Programa "Plantas do Brasil: Resgate Histórico e Herbário Virtual para o Conhecimento e Conservação da Flora Brasileira" (Reflora), uma parceria entre instituições como o CNPq, Capes, Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa e pesquisadores.
Uma das redes formadas dentro do programa é a FloResCer – Flora Integrada do Cerrado, Região Centro-Oeste, coordenada pela professora Carolyn Elinore Barnes Proença (UnB), composta por alguns projetos de pesquisa.
A rede FloResCer visa a busca de dados, principalmente taxonômicos e históricos, da Flora do Centro-Oeste, com o objetivo de proporcionar acesso público de forma integrada, com buscas simples de imagens e ferramentas de identificação de espécies, inclusive sobre aquelas que se encontram ameaçadas de extinção no Cerrado.
Além de expedições de campo em áreas de Cerrado, as equipes também estão mapeando a ocorrência das espécies, por meio de consultas a herbários nacionais e internacionais e levantamento bibliográfico.
Desta forma, os resultados da Rede contribuirão para orientar a identificação de áreas prioritárias para conservação e o desenvolvimento de estudos mais específicos para as espécies ameaçadas, favorecendo a adoção de uma estratégia de gestão integrada das ações de pesquisa para conservação da flora do Cerrado.
Dia do Cerrado
Em comemoração ao Dia do Cerrado, a Rede Florescer inaugura também, nesta sexta-feira (11), no Jardim Botânico de Brasília, uma exposição sobre botânica, na qual o público poderá conferir coletas originais de plantas, além de saber mais sobre a vida do botânico George Gardner, cujo bicentenário de nascimento supõe-se que se completa entre 2010-12.
Uma das redes formadas dentro do programa é a Rede Florescer (Flora Integrada do Cerrado), da Região Centro-Oeste. A rede busca dados, principalmente taxonômicos e históricos, da Flora do Centro-Oeste, com o objetivo de proporcionar acesso público de uma forma integrada, com buscas simples de imagens e ferramentas de identificação de espécies, inclusive sobre aquelas que se encontram ameaçadas de extinção no Cerrado.
Além de expedições de campo em áreas de Cerrado, as equipes também estão mapeando a ocorrência das espécies, por meio de consultas a herbários nacionais e internacionais e levantamento bibliográfico.
Desta forma, os resultados da Rede contribuirão para orientar a identificação de áreas prioritárias para conservação e o desenvolvimento de estudos mais específicos para as espécies ameaçadas, favorecendo a adoção de uma estratégia de gestão integrada das ações de pesquisa para conservação da flora do Cerrado.
Fonte: CNPq

Nenhum comentário: