inescburg@yahoo.com.br

sábado, 14 de julho de 2012

França proíbe Tiametoxam

O ministro da agricultura francês Stéphane Le Foll anunciou, no último dia 28, o banimento do agrotóxico Cruiser OSR, usado no tratamento de sementes de colza, em função das suspeitas de causar efeitos danosos sobre as abelhas.
A Agência sanitária para alimentação e meio ambiente (Anses), também em junho, denunciou o impacto da molécula Tiametoxam (ingrediente ativo do Crusier) sobre as abelhas.
As populações de abelhas vêm declinando de forma acelarada e misteriosa nos últimos anos pelo mundo, fenômeno que desestabiliza os ecossistemas e que reforça as críticas feitas ao uso massivo de agrotóxicos.
Com informações de Le Monde29/06/2012.
p.s. No Brasil, o Tiametoxam está, segundo a Anvisa, na classe toxicológica III (moderadamente tóxico) e tem seu uso autorizado para 35 culturas, em diferentes modalidades de emprego, incluindo o tratamento de sementes de: algodão, amendoim, arroz, batata, cevada, feijão, girassol, milho, pastagem, soja, sorgo e trigo.
Boletim AS-PTA

Nenhum comentário: